terça-feira, 25 de abril de 2017

O QUE VAI ACONTECER AO ÓVULO? Fecundação ou menstruação?

Quando o ovário começa a formar hormonas sexuais femininas, a rapariga começa  a transformar-se em mulher. Não vemos os fenómenos que se passam no interior do corpo, mas há sinais exteriores (os caracteres sexuais secundários) e, um deles, a menstruação (ou período), surge na puberdade. Mas, antes da menstruação, há a ovulação.

O que é a ovulação?
No início da adolescência os ovários começam a "trabalhar", amadurecendo óvulos que estavam "adormecidos" desde que a menina se formou no útero da sua mãe. É mesmo verdade, o ovário da bebé está cheio de óvulos.
Em princípio amadurece um só óvulo de 28 em 28 dias, que passa do ovário para a Trompa de Falópio do mesmo lado, local onde se dará a fecundação caso o óvulo encontre um espermatozóide. 
Para aumentar a imagem
Retirado aqui

O que é a menstruação ou período?
É uma perda de sangue pela vagina, com  duração de 2 a 7 dias. Por que razão acontece?
O interior do útero é "forrado" por uma mucosa chamada endométrio, que sofre alterações de espessura ao longo do ciclo menstrual, provocadas pelas hormonas sexuais femininas. Fica mais espesso depois da libertação do óvulo pelo ovário, preparando-se para funcionar como "ninho" para  um novo ser.
Quando o óvulo não é fecundado o endométrio e o óvulo não usado têm de sair, sendo eliminados na forma de sangue... dá-se a menstruação  ou período.


O que é o ciclo menstrual?
Já sabes que ovário liberta um óvulo com intervalos de cerca de 28 dias. Conta-se a partir do 1º dia da menstruação até ao 1º dia da menstruação seguinte. 
Durante esses 28 dias há fases diferentes, de acordo com as alterações hormonais. O esquema ajuda-te a relacionar o ciclo menstrual com o período fértil:
Retirado aqui

  • A menstruação dá-se do 1º ao 5º ou 6º dia. 
  • A ovulação cerca do 14º dia.  O óvulo está na Trompa de Falópio, pronto a ser fecundado; o útero prepara o endométrio para o receber.
  • O período fértil, em que é mais provável a mulher engravidar, é entre o 10º e o 17º dia; quando o óvulo está nas Trompas de Falópio.
Nos primeiros anos após a 1ª menstruação (menarca) os ciclos menstruais podem ser irregulares. Não é fácil prever quando é o período fértil.
Por isso as primeiras menstruações de uma rapariga podem não surgir no dia previsto, pois os ovários estão a "aprender " a funcionar. Precisam de se adaptar à sua função. A rapariga tem de aprender a conhecer as manifestações do seu corpo.

O que é a fecundação?
Se a  mulher teve relações sexuais quando o óvulo se encontrava numa das Trompas de Falópio, então o óvulo e o espermatozóide unem-se (só um espermatozóide vai entrar no óvulo),  ocorrendo a fecundação
Forma-se um ovo ou zigoto, que se vai dividindo, ainda nas Trompas de Falópio, até formar uma mórula que se dirige ao útero.

O que é a nidação?
mórula chega ao útero e vai fixar-se no endométrio espessado, preparado para o receber, que vai funcionar como um "ninho" para o novo ser. À implantação da mórula no útero chama-se nidação.
Observa a  imagem e vê o filme pois será mais fácil perceberes o que se passa desde a ovulação até à nidação. 

Normalmente o ovário só liberta um óvulo de cada vez, que é fecundado por um espermatozóide, e por isso só nasce um bebé. 
Mas, mesmo que tenha sido libertado um só óvulo, e fecundado por um só espermatozóide, pode dividir-se em duas partes separadas, dando origem a dois bebés do mesmo sexo, exatamente iguais: duas meninas ou dois meninos que têm origem no mesmo óvulo e são designados por gémeos verdadeiros ou fraternos. São difíceis de distinguir.
Mas o ovário pode libertar dois óvulos, cada um fecundado por um espermatozóide e, nesse caso, formam-se dois bebés, normalmente de sexos diferentes - um menino e uma menina - que pouco ou nada têm de semelhante.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

"À DESCOBERTA DO CORPO..." - sistema reprodutor masculino e feminino

E agora?
Iniciaste uma nova fase da tua vida: a adolescência. Sabes que estás a deixar de ser criança.
Na puberdade (1ª fase da adolescência) começas a sentir-te diferente, pois muda o teu corpo (até a pele e cabelo ficam diferentes), os interesses, as conversas que tens com os teus amigos e amigas; sentes necessidade de falar sobre mudanças que vais sentindo e nem sempre as consegues esclarecer.
Nas aulas de Ciências estás a descobrir os caracteres sexuais primários e secundários, como é constituído o teu sistema sexual (rapaz ou rapariga) interno e externo, e como funciona, bem como os cuidados que deves ter para o protegeres de doenças e problemas. Observa a localização de cada um dos órgãos  que estudaste:



quarta-feira, 19 de abril de 2017

"À DESCOBERTA DO EU"... para me conhecer (pontos fortes fracos).

Estás a entrar numa fase da tua vida em que sabes que estás a mudar. O teu corpo está  a ficar diferente, queres perceber o que se está  passar contigo e gostas de falar com os teus amigos sobre assuntos que te interessam ou preocupam. 
Mas será que podes falar com todos os teus colegas sobre esses assuntos? 
Para te conheceres melhor e te ajudar a descobrir quem são, realmente, os teus amigos, deixo-te aqui uma tabela de PONTOS FORTES e outra de PONTOS FRACOS, construída com a ajuda de colegas teus de 6º ano, de anos anteriores:

Procura identificar os teus PONTOS FORTES e PONTOS FRACOS.
  • Depois, procura identificar pontos fortes e fracos dos teus melhores amigos ou amigas.
  • De seguida procura saber os pontos fortes e  fracos que os teus amigos (os verdadeiros amigos) te atribuem.  Não confundas o(s) amigo(s) a sério com os teus colegas.
Estás com certeza admirada(o) por os teus amigos verem em ti tantas qualidades e ... perceberem que tens pontos fracos que deves corrigir. Verificaste que afinal eles(elas) reparam em tudo e não gostam de certos comportamentos errados que por vezes repetes no dia a dia e que até acham disparatados ou demasiado infantis. Pensavas que achavam piada?
Além disso, se respeitas os colegas, os ajudas e és educado(a) e honesto(a), percebeste que tens muitos admiradores e admiradoras. Continua assim que estás no bom caminho. 
Mas, se tens defeitos a corrigir ... é bom estares atento e com vontade de melhorar.
Agora, que já percebeste que a adolescência é uma fase da vida em que as pessoas crescem muito ... vais descobrir, nas aulas de Ciências Naturais, por que motivo isso acontece. Vais também aprender como é constituído e funciona o sistema sexual feminino e o masculino.

A adolescência é também uma fase da vida em que treinas formas de estar, em que aprendes a comportar-te como Homem ou como Mulher, em que descobres do que gostas, em que és confrontado(a) com situações, por vezes complicadas, em que tens de tomar decisões. Lembra-te que:
  • as decisões acertadas podem exigir algum esforço, mas evitam problemas e sofrimento e preparam o teu futuro;
  • as decisões erradas podem ser agradáveis e fáceis de tomar, agradam-te no momento, mas causam normalmente problemas e sofrimento mais cedo do que pensas.
 Não esqueças: o nosso futuro depende das decisões que tomarmos ao longo da vida. 

quinta-feira, 30 de março de 2017

GERMINAÇÃO: da semente à planta

Na aula observaste a constituição de uma semente. Sabes que é formada por tegumento, cotilédones e embrião. O embrião tem 3 partes: a radícula que vai dar origem à raiz, o caulículo que vai dar origem ao caule e a gémula(ou folha primária) que vai dar origem às folhas.
Retirado aqui
Quando a semente cai no solo (terra), e encontra condições de vida, vai dar origem a uma nova planta: dá-se a germinação. Na horta nasceram tomateiros, couves, alfaces e outras plantas, a partir das sementes colocada na terra. A chuva ajudou na germinação e a pequena planta começou  a espreitar na terra e, finalmente, cresceu.
O que está  acontecer ao feijão, fava, grão-de-bico e ervilha que tens a germinar em tua casa?
Da semente à planta. (Retirado aqui)

Neste video observas uma sequência de imagens (muito rápida) sobre o que acontece na natureza.




quarta-feira, 29 de março de 2017

FRUTIFICAÇÃO: da flor ao fruto

Podes aumentar as imagens através das legendas
Flor da ameixieira (10/03/2017)
Flor de pessegueiro (11/03/2017)
Depois da polinização: o fruto em formação.
Caíram sépalas e pétalas (28/03/2017)
Estames e carpelo da flor de couve. Observados com a lupa TV.

No pomar, com a ajuda da lupa de mão, observaste as flores de ameixieira, de pessegueiro e de laranjeira. Na horta as flores de ervilheira, couve, fava, morangueiro, etc.
Da flor ao fruto da ervilheira (16/03/2017). Onde está o fruto?
Na sala, a lupa binocular permitiu-te observar as anteras cheias de grãos-de-pólen amarelos e os ovários com óvulos transparentes. A lupa TV, do Rui, também ajudou nesta observação.

Percebeste que todas as flores são constituídas da mesma forma, conforme verificas nas imagens que se seguem. Vamos rever o que aprendeste...
flor é constituída por órgãos de suporte (pedúnculo e receptáculo), de proteção (cálice e corola) e de reprodução (gineceu e androceu).









  • o gineceu é a parte feminina da flor; é formado por carpelos;
  • o androceu é a parte masculina da flor; é formado por estames.
    • Os carpelos são formados por ovário, estilete e estigma; é no ovário que se formam os óvulos, as células reprodutoras femininas das plantas.
    • Os estames são formados por filete e antera; é na antera que se formam os grãos de pólen, as células reprodutoras masculinas das plantas.
    Quando os grãos de pólen estão maduros soltam-se da antera, transportados pelos animais (vários insetos, aves, mamíferos, etc) ou empurrados pelo vento e pela chuva. Vão ao encontro dos óvulos que se encontram na parte feminina da flor (carpelo). Ao transporte de grão de  pólen dá-se o nome de polinização.
    Quando os grãos de pólen encontram o óvulo dá-se a fecundaçãoO que acontece depois da fecundação?
    A flor sofre modificações e dá origem ao fruto - as pétalas e as sépalas caem, o ovário desenvolve-se dando origem ao pericarpo (parte que nós comemos) e as sementes formam-se onde estavam os "óvulos".  O que vai acontecer às sementes?

    segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

    GRIPE? Não, obrigado!

    Sabes o que é a gripe?
    Sabes distinguir a gripe de uma constipação?

    Para saberes o que é a gripe e como se transmite vai ao GRIPENET KIDS

    segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

    COMO É CONSTITUÍDO O SISTEMA CIRCULATÓRIO? QUE FUNÇÕES DESEMPENHA?



    Afinal o coração é um "motor" que faz circular o sangue pelo nosso corpo ... quem diria?
    sistema respiratório, o digestivo e o circulatório (coração e vasos sanguíneos) trabalham para levar o oxigénio e os nutrientes às nossas células. Os três sistemas fazem um trabalho de grupo que leva o oxigénio e nutrientes ao seu destino - as células. 
    Vejamos:
    • o ar chega aos pulmões e dá-se uma troca gasosa nos alvéolos pulmonares (hematose pulmonar) ... o oxigénio passa dos alvéolos para o sangue e o dióxido do carbono do sangue para os alvéolos;
    • o oxigénio segue até às células, carregado pelos glóbulos vermelhos (hemácias); os nutrientes que atravessaram as vilosidades intestinais (absorção digestiva) seguem, também, até às células.
    Como chegam o oxigénio e os nutrientes às células?
    O que acontece nas células?
    • o sangue recebe o oxigénio nos pulmões e segue pela veia pulmonar a caminho do coração; entra na aurícula esquerda e "desce" para o ventrículo esquerdo que o vai "empurrar" para a artéria aorta, que o leva até às células. O sangue rico em oxigénio e nutrientes, chama-se sangue arterial.
    • as células recebem o oxigénio e nutrientes que vão utilizar para a sua renovação/construção e para produzir energia. Libertam dióxido de carbono e outros resíduos celulares.
    • O dióxido de carbono e resíduos seguem pela veia cava até à aurícula direita, passam para o ventrículo direito  e daí pela artéria pulmonar que os leva até aos pulmões. O sangue rico em dióxido de carbono, chama-se sangue venoso.
    Que nome se dá ao sangue que transporta o oxigénio e os nutrientes até às células?
    Que nome se dá ao sangue que transporta o dióxido de carbono e os resíduos celulares até aos pulmões?
    Como se chama a  troca gasosa que ocorre nos pulmões?
    O que vai acontecer ao dióxido de carbono e outros resíduos celulares que chegam aos pulmões?

    QUERES SABER MAIS SOBRE O SISTEMA CIRCULATÓRIO?